Dia Mundial do Autismo existe para lembrar que todos têm direitos iguais
04/04/2018 07:53 em notíciascatolicas.com.br

No dia 2 de abril foi celebrado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. O TJ Aparecida preparou uma reportagem especial para mostrar que os autistas têm direitos iguais.

O Transtorno do Espectro do Autismo, também conhecido pela sigla TEA, atinge no mundo mais de 70 milhões de pessoas. As principais características de um portador de TEA é a falta de contato visual efetivo e ausência de reações emotivas. 

Segundo a psicóloga, Monique Godoy, o diagnóstico deve ser feito o quanto antes para o início das terapias e estimulações que contribuem para o desenvolvimento cognitivo da criança.

Na reportagem, conheça o jovem Dabyatã Chinaqui, que é autista e está no terceiro ano de jornalismo e trabalha como youtuber. 

A data é mais do que uma ocasião para lembrar daqueles que possuem esse transtorno, é principalmente para acabar com o preconceito e discutir a inserção dessas pessoas no mercado de trabalho e na vida social. 

COMENTÁRIOS
Tradutor / Translator